domingo, setembro 26, 2021

Covid-19: Irlanda pode sofrer com quarta onda, de acordo com Tony Holohan

Covid-19: Irlanda pode sofrer com quarta onda, de acordo com Tony Holohan

No início de junho, a Organização Mundial de Saúde alertou que a Irlanda poderia ser atingida por uma quarta onda da Covid-19, conforme as pessoas começassem a socializar novamente.

Agora, a NPHET confirmou a notícia preocupante de que uma quarta onda pode estar a caminho.

O Diretor Médico, Dr. Tony Holohan, enviou uma carta ao Ministro da Saúde Stephen Donnelly avisando que a variante Delta pode causar uma quarta onda de infecção “significativa”, possivelmente matando milhares de pessoas.

Tony disse que a variante Delta é pelo menos 55% mais transmissível do que as cepas anteriores que levaram a Irlanda ao lockdown.

Ele disse que a Delta está “se tornando a cepa dominante e, em nossa população parcialmente vacinada, o risco aumentado de transmissão posterior associado a esta variante torna provável uma quarta onda de infecção significativa”.

Em sua carta a Stephen Donnelly, o Dr. Tony disse que o domínio da variante Delta deve “crescer acentuadamente” nas próximas semanas. (Imagem: Collins; Departamento de Saúde)

O Dr. Holohan alertou que os casos provavelmente começarão a aumentar de forma lenta em julho, mas que veremos casos “terríveis” em agosto e setembro.

A NPHET forneceu quatro cenários possíveis ao governo, sendo o pior cerca de 681.900 casos nos próximos três meses.

A previsão mais otimista era de 81.000 casos.

David Nabarro

O Dr. David Nabarro, enviado especial da Covid-19 para a Organização Mundial da Saúde (OMS), alertou a Irlanda sobre a propagação da variante Delta, altamente contagiosa, por todo o país.

“Quando as pessoas se misturam e estão próximas umas das outras, e talvez não se protegendo com máscaras de proteção e assim por diante, é quando o vírus realmente começa a se mover, e muitas vezes é seguido por um grande aumento de casos”,

“E assim, apesar do fato de que as restrições estão sendo suspensas, eu direi para as pessoas na Irlanda, em todos os lugares, porque o vírus não foi embora, continuem a respeitar as medidas de segurança para evitar a propagação do vírus.”

 

Fonte: Irish Mirror

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.